ESTRESSE OCUPACIONAL E FATORES ASSOCIADOS: UM ESTUDO EM DOCENTES DO ENSINO SUPERIOR

Resumo: Entende-se por estresse a reação inespecífica do organismo perante qualquer evento positivo ou negativo que altere a vida do indivíduo (LIPP, 2003). A Organização Mundial de Saúde (OMS) aponta que 90% da população mundial sofre algum nível de estresse, e no Brasil chega a atingir 70% da população (WHO, 2002). O cenário está relacionado ao desenvolvimento de várias doenças crônicas não transmissíveis como a depressão, o câncer, a hipertensão e o diabetes (ALVES; FERNANDES; FAGUNDES, 2015). Neste contexto, estudos na área são de suma importância a fim de identificar os propulsores e/ou desencadeadores de estresse nos indivíduos. Dessa forma tem-se como objetivo avaliar o nível de estresse ocupacional e fatores associados de docentes da área de humanas e naturais da Universidade Federal do Espírito Santo. Trata-se de uma investigação observacional, transversal, descritiva, de abordagem e quantitativa, no qual farão parte os docentes do Centro de Ciências Humanas e Naturais (CCNH/UFES), no qual serão convidados todos os docentes a participar do estudo. A abordagem se dará em um único momento, no qual serão coletados dados socioeconômicos, sociodemográficos, antropométricos e oscilométricos, além de avaliação do nível de estresse, dos hábitos alimentares e dos hábitos de vida.

Data de início: 2016-06-24
Prazo (meses): 36

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Mestrado Monica Cattafesta
Coordenador Luciane Bresciani Salaroli
Pesquisador Fabíola Lacerda Pires Soares
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105