Adaptação Transcultural do Myocardial Infarction Dimensional Assessment Scale (MIDAS)

Nome: Bruno Henrique Fiorin
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 29/05/2014
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Elizabete Regina Araújo de Oliveira Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Elizabete Regina Araújo de Oliveira Orientador
Maria del Carmen Bisi Molina Examinador Interno
Nagela Valadão Cade Suplente Externo

Resumo: Para avaliar a qualidade de vida nos pacientes com Infarto Agudo do Miocárdio, foi realizada a adaptação transcultural do instrumento Miocardial Infarction Dimensional Assessment Scale (MIDAS), utilizando o referencial teórico de Guillemin, Bombardier e Beaton (1993), versando da língua inglesa para língua portuguesa brasileira. Para execução do estudo foi feita uma revisão sistemática acerca dos processos de adaptação transcultural dos instrumentos de qualidade de vida, destacando os principais referenciais teóricos e a forma com que essa metodologia é executada. A adaptação do MIDAS foi realizada cumprindo as seguintes etapas: tradução, retradução, avaliação dos autores, banca de juízes e pré-teste, com as quais se almejou as equivalências semântica, conceitual, idiomática e cultural. A escala mostrou-se de fácil aplicação e de importância clínica. Porém, necessita-se ainda avaliar as propriedades psicométricas.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105