Correlação do Clearance de Creatinina e dos Eletrólitos medidos na urina coletada em 12 e 24 horas em nefropatas usuários do Ambulatório de um Hospital Universitário

Resumo: A doença renal crônica (DRC) gera demanda progressiva por serviços de saúde. Disfunções que afetam os rins provocam queda na taxa de filtração glomerular (TFG) diminuindo a excreção de substâncias indesejáveis do organismo, elevando seus níveis plasmáticos. A determinação da TFG permite uma detecção precoce das disfunções renais e seus agravamentos. O clearance de creatinina (ClCr), é considerado o método mais adequado para o acompanhamento da DRC. Questiona-se se a avaliação do ClCr e da excreção de Na+ e K+ realizadas na urina coletada em 12 horas no período noturno pode substituir a de 24 horas em populações com disfunções renais. O estudo objetiva traçar o perfil epidemiológico dos usuários do Ambulatório de Nefrologia do Hospital Cassiano Antônio de Moraes e determinar a correlação de eletrólitos e creatinina excretados nos períodos de 12 horas diurno e noturno com a de 24 horas desta população. A pesquisa, de corte transversal, utilizará como dados, medidas antropométricas, pressão arterial, análise bioquímica de sangue, coleta de urina de 24 horas e formulário de dados. Espera-se com o estudo, em âmbito epidemiológico e ambulatorial, simplificar o procedimento de coleta de urina e reduzir a probabilidade de erros.

Data de início: 2011-04-04
Prazo (meses): 15

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Mestrado Priscila Santos da Rosa
Coordenador Maria del Carmen Bisi Molina
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105